Forças de Hadi tomam controle de estratégico quartel perto de Sana, no Iêmen

Sana, 11 fev (EFE).- As forças leais ao presidente do Iêmen, Abdo Rabbo Mansour Hadi, tomaram nesta quinta-feira o controle de um estratégico quartel no nordeste da capital Sana, informou uma fonte militar à Agência Efe.

As tropas governamentais, apoiadas por milicianos tribais, invadiram a base militar de Fardo Nehm, a cerca de 60 quilômetros de Sana, após confrontos com os rebeldes houthis.

Também tomaram o controle de um posto de vigilância próximo a região montanhosa de Naqil Ibn Guilan, de onde se controla a rota que liga a província petrolífera de Marib a Sana.

A coalizão árabe, liderada pela Arábia Saudita, ajudou os soldados de Hadi com ataques aéreos ao quartel e outras posições dos houthis na área de Nehm nos últimos dois dias.

A queda deste quartel representa um duro golpe para o movimento rebelde xiita dos houthis e seus aliados, os combatentes leais ao ex-presidente Ali Abdullah Saleh.

Os houthis, apoiados pelas forças de Saleh, tentam conter o avanço das tropas de Hadi em direção à capital iemenita.

Uma rodada de negociações de paz para o Iêmen terminou em 20 de dezembro na Suíça sem o esperado acordo de um cessar-fogo permanente no país.

Os rebeldes houthis, que contam com o apoio não expresso do Irã, lançaram uma ofensiva em setembro de 2014 e, apesar de algumas perdas, ainda controlam grande parte do país, incluída a capital.

Em março deste ano, a Arábia Saudita, com o aval dos Estados Unidos, tomou a iniciativa de agir contra os rebeldes, e convenceu outros oito regimes de credo sunita a formar uma coalizão para bombardear os rebeldes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos