Otan cogita possibilidade de unir-se como organização à coalizão contra EI

Bruxelas, 11 fev (EFE).- A Otan avalia a possibilidade de unir-se como organização à coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos para combater o grupo terrorista Estado Islâmico (EI), informou nesta quinta-feira o secretário de Defesa americano, Ashton Carter.

"Graças à liderança do secretário-geral (aliado), Jens Stoltenberg, estamos agora explorando a possibilidade de que a Otan se una à coalizão como um membro em si. Isto é um avanço significativo", declarou Carter em entrevista coletiva ao término de uma reunião de países-membros e observadores da coalizão em Bruxelas, na sede da Aliança Atlântica.

Por enquanto, os 28 aliados da organização contribuem com a coalizão, mas não a Otan como instituição.

Segundo Carter, a Otan, como "novo membro, apresentaria capacidades únicas" na luta contra o EI, como "experiência em impulsionar capacidades de seus membros, formar forças terrestres e dar apoio para a estabilização".

O secretário de Defesa americano indicou que abordará o "papel adequado" da Otan nesta coalizão com os aliados "nos próximos dias e semanas" e lembrou que a Aliança tem um valor agregado sobre os países em áreas como os acordos de estatuto de forças e a geração de forças.

Carter assegurou que na reunião de hoje, convocada ao término de um encontro de dois dias de ministros da Defesa da Otan, os países que participam da coalizão decidiram "acelerar" suas operações militares para derrotar essa organização terrorista no Iraque e na Síria.

"Concordamos todos na necessidade de acelerar a campanha", disse após o encontro, no qual houve também um "apoio unânime aos objetivos e conceitos operacionais" do plano de campanha militar proposto por Washington, no qual foram requeridas mais contribuições para vencer o EI.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos