Brasil elogia acordo para trégua na Síria e compromisso com ajuda humanitária

Rio de Janeiro, 12 fev (EFE).- O Brasil elogiou nesta sexta-feira o acordo alcançado por Estados Unidos e Rússia para conseguir uma cessação das hostilidades na Síria no prazo de uma semana e o compromisso para garantir a chegada de ajuda humanitária à população do país.

"O governo brasileiro recebeu com satisfação o anúncio da formação de uma força-tarefa pelo Grupo Internacional de Apoio à Síria (ISSG), sob os auspícios das Nações Unidas, com vistas a obter uma cessação de hostilidades na Síria", afirmou o Ministério das Relações Exteriores em nota.

O comunicado do Itamaraty destacou ainda o compromisso contido no chamado Comunicado de Munique de garantir ajuda humanitária à população síria, especialmente nas áreas sitiadas e de difícil acesso.

O governo da presidente Dilma Rousseff lembrou na nota seu reiterado apoio a uma solução política para o conflito na Síria e sua rejeição à permanente militarização.

A nota lembra que o Brasil foi um dos países que participou da Conferência Internacional de Apoio à Síria há dez dias em Londres e que, na ocasião, anunciou uma doação de US$ 1,3 milhão e 4.500 toneladas de arroz para atender aos refugiados sírios.

O acordo para promover uma cessação das hostilidades na Síria foi assinado na noite de nesta quinta-feira em Munique pelos membros do Grupo Internacional de Apoio à Síria, liderado por EUA e Rússia, e no qual participam, entre outros, Turquia, Irã e Arábia Saudita, Catar, Egito, França, Alemanha e Reino Unido.

O encontro desse grupo aconteceu após a suspensão até o dia 25 de fevereiro das conversas de paz indiretas em Genebra entre o regime e a oposição síria, coincidindo com o início de uma ofensiva governamental no início deste mês no norte da província de Aleppo. EFE

cm/rsd

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos