Aliança curdo-árabe toma controle de cidade no norte da Síria

Beirute, 15 fev (EFE).- As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança armada curdo-árabe apoiada pelos Estados Unidos, tomaram nesta segunda-feira o controle da cidade de Kafr Naya, no norte da província de Aleppo, após combates contra facções islâmicas.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos afirmou que as FSD dominaram Kafr Naya, ao sudeste da cidade de Deir Jamal, depois de as forças do regime de Bashar al Assad tentarem em vão o mesmo há quatro dias e se retirarem também da cidade vizinha de Kafin.

Com esta conquista, as FSD se aproximam das áreas controladas pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI) no nordeste de Aleppo e apertam o cerco à cidade de Tel Refat, nas mãos da Frente al Nusra, filial síria da Al Qaeda, e de seus aliados.

Paralelamente, as forças da Turquia continuaram hoje a bombardear as cidades de Deir Jamal e Meneg, em poder das FSD, depois de, no fim de semana, quatro pessoas morrerem - um civil e três milicianos da coalizão curdo-síria - em ataques similares nessa e outras áreas.

No domingo, o governo sírio condenou "firmemente" os bombardeios das forças turcas no norte da Síria e pediu ao Conselho de Segurança da ONU que ponha fim aos "crimes do regime turco".

Há dois dias, o ministro de Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu, insistiu na determinação de seu país de lutar contra o EI e afirmou que tanto a Turquia quanto a Arábia Saudita estão dispostas a uma operação terrestre na Síria.

Para Damasco, a intervenção turca nos assuntos sírios representa "um reconhecimento oficial da perseverança de violar as resoluções do Conselho de Segurança vinculadas à luta contra o terrorismo".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos