Morrem 42 insurgentes do EI em operação contra seu reduto no Afeganistão

Cabul, 15 fev (EFE).- Pelo menos 42 jihadistas do Estado Islâmico (EI) morreram durante os últimos três dias em uma operação das tropas do Afeganistão para desocupar o principal reduto desse grupo no país, na província oriental de Nangarhar, informaram nesta segunda-feira fontes oficiais.

"O objetivo da operação é acabar com a presença do EI nas aldeias do distrito de Achin, além da eliminação do grupo", indicou o Ministério da Defesa afegão em comunicado.

Entre os mortos na ofensiva, desenvolvida conjuntamente pela polícia, o exército e os serviços de inteligência, se encontram comandantes do grupo e, em seu transcurso, pelo menos cinco insurgentes ficaram feridos.

O porta-voz da polícia provincial, Hazrat Hussain Mashriqiwal, declarou que voluntários locais estão participando da operação, que também conta com apoio aéreo.

"Pelo menos 20 aldeias foram livradas da presença do EI nos últimos três dias e a operação continuará até que todas as partes do distrito fiquem livres de insurgentes", destacou a fonte.

A Otan estima que há entre 1.000 e 3.000 insurgentes do EI no Afeganistão, a maioria concentrada em uns poucos distritos de Nangarhar, na fronteira com o Paquistão.

As forças americanas aumentaram suas ações contra o grupo nas últimas semanas, após receber sinal verde de Washington para realizar bombardeios contra o EI no Afeganistão.

Em seu relatório de 2015 sobre as vítimas civis no conflito, apresentado ontem em Cabul, a missão da ONU no Afeganistão (Unama) documenta pela primeira vez 83 ataques relacionados com o Estado Islâmico, 82 deles na província de Nangarhar.

Os EUA mantêm cerca de 9.800 soldados no Afeganistão, dos quais cerca da metade permanecerá além do final do mandato do presidente Barack Obama, em janeiro de 2017.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos