Israelense morre esfaqueado por palestinos em colônia na Cisjordânia

Jerusalém, 18 fev (EFE).- Um israelense morreu e outro foi ferido por dois palestinos, que foram neutralizados por disparos e detidos, na zona industrial de Shaar Binyamín, uma colônia no território palestino ocupado da Cisjordânia, ao norte de Jerusalém.

Segundo informou a polícia em comunicado, "após três horas de trabalhos de reanimação, infelizmente o ferido morreu".

Segundo informou o serviço médico de emergências Maguen David Adom (Estrela de Davi Vermelha) tanto a outra vítima, de 36 anos, como os dois agressores apresentam ferimentos, mas não detalhou a situação de nenhum deles.

O ataque aconteceu em um supermercado frequentando tanto israelenses como palestinos e os agressores foram imobilizados e feridos por um civil armado que se encontrava no lugar, afirmou a porta-voz policial israelense, Luba Samri.

As duas vítimas foram esfaqueadas repetidamente na parte superior de seu corpo, segundo o site do jornal "Times of Israel".

Este ataque se soma a uma onda de violência que sacode Israel e Palestina desde outubro do ano passado e que deixou 29 vítimas mortais israelenses em ataques palestinos, além de dois estrangeiros e um palestino.

Neste período morreram 178 palestinos, cerca de dois terços deles ao realizar ou tentar realizar ataques contra israelenses, enquanto os demais foram mortos em enfrentamentos com as forças de segurança. EFE

aca-mss/rsd

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos