Sanders diminui a mais da metade a diferença para Hillary, segundo pesquisa

Em Nova York

  • Darren Hauck/Reuters

O pré-candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Bernie Sanders, diminuiu a mais da metade a diferença em intenções de voto que o separava de Hillary Clinton para as eleições internas do partido, segundo uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (18).

A pesquisa telefônica, elaborada pela emissora "NBC" e "The Wall Street Journal", mostra Hillary com 53% de apoio entre eleitores democratas registrados, enquanto Sanders tem 42%, uma diferença de 11 pontos percentuais.

Há um mês, a mesma pesquisa indicava Hillary com 59% das preferências e Sanders com 34%, com 25 pontos de diferença.

A pesquisa foi realizada entre os dias 14 e 16 de fevereiro, depois das consultas internas do Estado de Iowa, que Hillary ganhou com uma ligeira diferença sobre Sanders, e do Estado de New Hampshire, onde Sanders venceu com folga.

Hillary tem uma clara diferença sobre Sanders quanto às preferências entre as comunidades minoritárias, com 62% de apoio para a ex-secretária de Estado e 33% para o senador pelo estado de Vermont.

Como apontam os meios de comunicação que fizeram a pesquisa, esse apoio entre as minorias é fundamental para o caucus democrata de Nevada, que será realizado no próximo sábado (20).

A pesquisa também incluiu perguntas sobre possíveis enfrentamentos entre candidatos democratas e republicanos, com distintas opções.

Um duelo eleitoral entre Hillary e o republicano Donald Trump nos pleitos presidenciais de novembro daria à primeira 50% dos votos e ao segundo 40%, mas a democrata empataria com Ted Cruz com 46% dos votos.

Segundo esta pesquisa, se concorressem Sanders e Trump, o primeiro conseguiria 53% dos votos e o magnata nova-iorquino, 37%. Se a eleição fosse entre Sanders e Cruz, o democrata conseguiria 50% dos sufrágios e Cruz, 40%.

A pesquisa telefônica foi feita com consultas a 800 eleitores registrados, 400 democratas e 400 republicanos e tem uma margem de erro de 3,5%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos