Filipinas acusam Pequim de agravar situação no mar do Sul da China

Manila, 19 fev (EFE).- O governo das Filipinas acusou nesta sexta-feira o de Pequim de piorar a "já tensa situação" vivida no mar da China Meridional com o desdobramento de mísseis terra-ar em uma ilha cuja soberania é reivindicada pelo Vietnã.

"Estes tipos de ações pioram ainda mais a segurança e a confiança" entre os países com disputas territoriais no mar do Sul da China, disse o Ministério das Relações Exteriores das Filipinas em comunicado de imprensa.

O minitério afirmou que está "profundamente preocupado" pelas instalações defensivas que "descumprem o compromisso da China de não militarizar" a zona, como aparece na Declaração de Conduta das Partes do Mar do Sul da China assinada em 2002 por Pequim e todos os países-membros da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean).

A Asean é integrada por Mianmar (Mianmar), Brunei, Camboja, Filipinas, Indonésia, Laos, Malásia, Cingapura, Tailândia e Vietnã.

Uma rede de televisão americana divulgou nesta semana imagens de satélite que mostram duas baterias de oito lançadores de mísseis terra-ar e um sistema de radares na ilha Woody, parte das Paracel.

O sistema de mísseis poderia ser um HQ-9, que tem um alcance de 200 quilômetros, segundo fontes oficiais consultadas pela emissora.

Por sua vez, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Vietnã reivindicou à China que ponha fim imediato a suas atividades ilegais no arquipélago de Hoang Sa.

O porta-voz afirmou que as ações da China infringem a soberania vietnamita e ameaçam seriamente a paz e estabilidade na região, assim como a segurança e liberdade de navegação aérea e marítima.

China, Taiwan e Vietnã reivindicam as soberania sobre as ilhas Paracel (Xisha para os chineses e Hoang Sa para os vietnamitas).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos