Combates com jihadistas em Benghazi matam 14 pessoas

Trípoli, 21 fev (EFE).- Pelo menos 14 pessoas, soldados em sua maioria, morreram nas últimas horas em um série de combates na cidade de Benghazi, a segunda mais importante da Líbia, informou à Agência Efe uma fonte de Segurança que pediu não ser identificada.

De acordo com seu relato, os enfrentamentos mais intensos aconteceram nos bairros de Buatni, Leithi, Suq Al Hout, Hawari e Garyounis, onde tropas do exército regular realizam uma ambiciosa ofensiva contra posições jihadistas.

"A maioria dos mortos é soldado, incluído um comandante das Forças Especiais Saiqa. Eles lançaram uma operação para tentar destruir posições do (grupo radical) Ansar al-Sharia e outras milícias vinculadas ao Daesh (acrônimo em árabe para a organização Estado Islâmico). Outras 32 pessoas ficaram feridas. A maioria é soldado também", explicou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos