Síria sofre corte de energia elétrica em diversas províncias

Cairo, 3 mar (EFE).- Praticamente todas as províncias sírias sofreram nesta quinta-feira um corte generalizado de energia elétrica, informaram fontes oficiais e ativistas, que ainda não sabem o motivo da interrupção.

Uma fonte do Ministério de Eletricidade disse à agência estatal "Sana" que os especialistas investigam o ocorrido para resolver o problema nas próximas horas.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos lembrou que na maioria das províncias sírias os cortes de luz são frequentes, por isso a população utiliza geradores que funcionam com combustível.

Essa interrupção do fornecimento de energia elétrica coincide com o sexto dia de trégua entre o regime e a oposição armada, que apesar de alguns ataques isolados conseguiu reduzir os índices de violência.

Os cortes foram causados em várias ocasiões, inclusive em Damasco, pelos ataques a gasodutos, que provocaram a suspensão da atividade das usinas elétricas, muitas das quais são abastecidas por gás.

Em algumas cidades, como Aleppo, foram os grupos armados que cortaram o fornecimento elétrico ao sabotarem torres de alta tensão, a fim de pressionar as forças governamentais.

Um dos casos mais graves ocorreu em dezembro de 2013, quando cinco províncias sírias ficaram sem luz devido à escassez do gás utilizado para o funcionamento das usinas elétricas por um ataque dos rebeldes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos