Pyongyang ameaça Seul e Washington com ataque preventivo

Seul, 7 mar (EFE).- A Coreia do Norte ameaçou realizar "ataques preventivos" contra Coreia do Sul e Estados Unidos em resposta às manobras militares conjuntas anuais que ambos iniciam nesta segunda-feira, as maiores até o momento.

"O Exército Popular (da Coreia do Norte) executará atos militares preventivos de neutralização que poderiam representar golpes mortíferos e sem piedade contra o inimigo", afirmou em comunicado a Comissão Nacional de Defesa do país, divulgado pela agência estatal "KCNA".

Este órgão também afirmou que as forças norte-coreanas contam com alvos militares sul-coreanos de importância estratégica "dentro de seu alcance", assim como com bases americanas na região Ásia-Pacífico.

"Se apertássemos atualmente os botões para aniquilar nossos inimigos, todas as bases origem de suas provocações seriam reduzidas a mares de chamas e cinzas em um instante", acrescentou o comunicado, divulgado em inglês.

Pyongyang se pronunciou assim diante do início das maiores manobras militares conjuntas de Washington e Seul, que acontecem em um momento de grande tensão na península de Coreia após os recentes testes de armas norte-coreanos e as sanções impostas como punição pelas Nações Unidas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos