Aposentado percorre andando 5.000 quilômetros de norte a sul da China

Pequim, 7 mar (EFE).- Wei Jiaqi, um professor aposentado de 64 anos, conseguiu percorrer a pé os 5.000 quilômetros que separam sua casa no nordeste da China com o ponto mais meridional do país, informou o jornal "New Culture Daily".

Ajudado por sua filha, Wei Yi, que fez a mesma viagem mas dirigindo seu automóvel, Wei percorreu 30 quilômetros por dia e chegou ao extremo sul da ilha de Hainan, já em área tropical, 148 dias (quase cinco meses) após partir de seu domicílio na província de Jilin, na fronteira com Rússia e Coreia do Norte.

O professor aposentando contou que sua filha temia que ele não pudesse completar toda a travessia a pé e por isso decidiu se adiantar a cada dia com seu carro para o destino que seu pai tinha estabelecido para o dia a fim de esperá-lo e organizar a manutenção e o alojamento.

A dupla seguiu a rede nacional de estradas, gastou cerca de 40 mil iuanes (US$ 6.100), e o pai afirmou que não sentiu muito cansaço em sua vantagem, já que a cada dia teve novas experiências e se encontrou inclusive com gente que o convido para sua casa ou para jantar.

"Após viajar com meu pai agora vejo a vida com uma mente mais aberta, e posso enfrentar melhor os desafios quando surgirem", disse ao jornal a filha do viajante.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos