Hungria dá por fechada rota dos Bálcãs para refugiados

Budapeste, 8 mar (EFE).- O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orbán, afirmou que a rota dos Bálcãs, usada pelos refugiados que viajam rumo à Europa foi fechada após a cúpula realizada na segunda-feira em Bruxelas entre a Turquia e a UE, e insistiu em rejeitar a realocação de solicitantes de asilo em países comunitários.

"Terminou uma etapa, a partir de agora fechamos a rota que cruza pelos Bálcãs ocidentais", explicou Orbán à imprensa após sair do encontro dos líderes comunitários na noite de ontem, segundo o site "atv".

Sobre o princípio de acordo alcançado com a Turquia, o primeiro- ministro húngaro explicou que Budapeste se opõe "claramente" à proposta que, para cada sírio que a Turquia readmitir desde as ilhas gregas, outro sírio seja realocado legalmente desde a Turquia aos Estados-membros dos UE.

Esta foi uma das propostas que o primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, pôs ontem sobre a mesa na cúpula, junto com a de acelerar a liberalização de vistos, o desembolso de mais dinheiro e a abertura de cinco capítulos nas negociações de adesão à UE.

Orbán qualificou as proposta da Turquia de "difíceis" e lembrou que a Hungria e a Eslováquia denunciaram o sistema de realocação de refugiados no Tribunal Europeu de Justiça e que os dois países se opõem a esta proposta.

Os líderes da UE anunciaram um princípio de acordo sobre as novas reivindicações da Turquia para conter o fluxo em direção à Europa de imigrantes irregulares e refugiados, também sírios, que incluem outros três bilhões de euros.

Já a Turquia se comprometeria a aceitar a devolução de "todos os imigrantes irregulares que cruzaram desde a Turquia às ilhas gregas sempre que a UE assumir os custos" de repatriação.

Os líderes comunitários voltarão a se reunir semana que vem com Davutoglu e até lá trabalharão sobre a nova proposta turca.

Orbán garantiu que a Hungria não aceitará "nenhuma das versões" do sistema de realocação de refugiados nos países comunitários.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos