Nova pesquisa mostra Trump 7 pontos à frente de Rubio em primárias na Flórida

Em Miami

  • Justin Tallis/ AFP

     Um bar em Londres, na Inglaterra, satiriza os candidatos à Presidência dos Estados Unidos e coloca a cara de Ted Cruz, Donald Trump e Marco Rubio nos mictórios

    Um bar em Londres, na Inglaterra, satiriza os candidatos à Presidência dos Estados Unidos e coloca a cara de Ted Cruz, Donald Trump e Marco Rubio nos mictórios

O pré-candidato à Presidência dos Estados Unidos, Donald Trump é o favorito entre os eleitores republicanos da Flórida, com 38% em intenções de voto, à frente dos senadores Marco Rubio (31%) e Ted Cruz (19%), para as primárias de 15 de março nesse Estado, segundo uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (10) pela "Univision Notícias" e pelo jornal "Washington Post".

Rubio, nascido em Miami filho de pais cubanos, é, no entanto, o preferido entre os hispânicos registrados como eleitores do Partido Republicano, com 49% das intenções de voto.

Mas o senador perdeu o fôlego na corrida pela candidatura republicana para as eleições presidenciais de 8 de novembro, e está em um terceiro lugar em número de delegados, atrás de Trump e de Cruz.

Se não ganha em seu Estado natal, o que daria 99 delegados, Rubio pode ter que abandonar a corrida, como reivindicaram Trump e Cruz e aconselhou a maioria dos analistas políticos.

Em termos gerais Rubio, que nestas eleições representa o aparelho do partido e que até agora só ganhou em dois Estados, é o candidato mais bem avaliado entre os eleitores republicanos na Flórida.

Entre eles, 62% têm uma opinião muito positiva ou um pouco positiva do senador, contra 57% de seus dois principais oponentes.

Entre os hispânicos republicanos, a avaliação favorável sobre Rubio sobe para 76%, enquanto Trump tem 61% de rejeição.

Mesmo assim, os entrevistados nesta pesquisa pensam majoritariamente que Donald Trump tem muito mais possibilidades de ser eleito presidente (60%, contra 17% de Rubio e 15% de Cruz).

Para 59% dos entrevistados Rubio deveria renunciar à sua pré-candidatura se não ganhar as primárias de 15 de março na Flórida.

Quanto à Cuba, um tema sempre muito presente no debate político na Flórida, 87% dos democratas aprovam a visita do presidente Barack Obama à ilha este mês, e 59% dos republicanos consideram que ele não deveria fazê-la.

Surpreendentemente, mais republicanos (51%) do que democratas (46%) apoiam a ideia de acabar com a política de "pés secos, pés molhados", que permite aos cubanos que fogem da ilha ficar nos Estados Unidos se conseguirem pisar no país.

A pesquisa exclusiva da Univision Notícias" e do "Washington Post" consultou 450 eleitores republicanos da Flórida entre 2 e 5 de março. A margem de erro é de 4,6%.

Em todas as pesquisas anteriores para as primárias, feitas por diferentes empresas, Trump aparece à frente, com em média 40,7% das intenções de voto, Rubio com 23,7% e Cruz com 17,2%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos