Autoridades espanholas detêm fugitivo argentino procurado por genocídio

Madri, 11 mar (EFE).- A polícia espanhola deteve em Madri o argentino Jorge Pedro Rodolfo Wagner, foragido e reclamado pelas autoridades de seu país pelo crime de genocídio.

Segundo informou a polícia espanhola, contra Wagner pesava uma ordem de detenção internacional emitida pela Interpol.

Jorge Pedro Rodolfo Wagner é um foragido da Argentina requerido para responder a um processo penal - de acordo com a legislação argentina-, pelos delitos de homicídio, privação ilegítima da liberdade e tortura.

A polícia colocou o destino do argentino à disposição da Audiência Nacional espanhola.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos