Raúl Castro e Mogherini se reúnem em Havana após fechamento de acordo Cuba-UE

Havana, 11 mar (EFE).- O presidente de Cuba, Raúl Castro, recebeu nesta sexta-feira em Havana a chefe da diplomacia da União Europeia (UE), Federica Mogherini, que participou hoje da assinatura do documento do acordo de diálogo político e cooperação, que culmina dois anos de negociação.

Castro e Mogherini se congratularam pelo final do processo de negociação desse acordo bilateral durante o encontro que tiveram na capital da ilha, segundo informou a nota oficial da chancelaria cubana sobre o encontro.

Além disso, os dois ratificaram a vontade de continuar trabalhando pelo "fortalecimento" das relações bilaterais sobre bases de "igualdade, reciprocidade e respeito mútuo" e abordaram diversos temas de interesse da agenda internacional, acrescentou a nota.

Da reunião também participou o chanceler cubano, Bruno Rodríguez, com quem Mogherini realizou esta manhã uma nova sessão do diálogo político ministerial, que as partes retomaram em abril do ano passado, depois que estes contatos de alto nível foram suspensos pela UE em 2003, por causa da onda de repressão na ilha conhecida como a "Primavera Negra".

Com este passo, Cuba, que era até agora o único país da América Latina com o qual o bloco não tinha um convênio de diálogo político e cooperação, poderá pôr fim à chamada "posição comum" da UE, a restritiva política europeia que desde 1996 condicionou todo progresso nas relações bilaterais a avanços na democratização e nos direitos humanos na ilha.

A chefe da diplomacia europeia explicou hoje que a ratificação do acordo bilateral representará "de fato" o fim da "posição comum", embora formalmente requeira o beneplácito dos Estados-membros.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos