Conselho de Segurança da ONU considera "positivo" retirada russa na Síria

Nações Unidas, 14 mar (EFE).- O Conselho de Segurança da ONU afirmou nesta segunda-feira que a decisão da Rússia de retirar a maior parte de suas forças militares da Síria é "positiva".

"Soubemos da decisão russa de começar a retirar parte de suas forças. Quando vemos tropas se retirando, isso quer dizer que a guerra está dando um passo diferente. Portanto, isso é bom", disse o presidente rotativo do conselho, Ismael Abraão Gaspar Martin.

O embaixador angolano, falando em nome dos 15 membros do Conselho de Segurança, atendeu os jornalistas após o término de uma reunião a portas fechadas sobre a Síria. "Todos vemos como algo positivo", reiterou Martin em relação ao anúncio feito pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin.

Na avaliação do diplomata, a retirada, assim como o fim das hostilidades e as novas conversas de paz foram possíveis pela "boa coordenação entre Estados Unidos e Rússia".

Putin ordenou hoje a retirada da maior parte dos militares russos enviados à Síria há mais de seis meses, por considerar que eles já cumpriram com os objetivos estabelecidos.

"Acho que a tarefa que nossas forças armadas e o Ministério da Defesa tinham pela frente foi cumprida em termos gerais. O eficaz trabalho de nossos militares criou as condições para o início de um processo de paz", anunciou o presidente russo.

A saída dos militares russos envolvidos na operação aérea contra o Estado Islâmico (EI) começará na quarta-feira, um dia depois do início da segunda rodada de negociações entre o regime de Bashar al Assad e a oposição moderada síria.

O Conselho de Segurança também celebrou o início da nova rodada de diálogos sob a moderação da ONU e elogiou o trabalho do enviado especial à região, Staffan de Mistura.

Martin afirmou que o Conselho de Segurança aprecia a "nova tendência" para solucionar a crise na Síria pela "via política".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos