Atentados em Bruxelas deixam 21 mortos e 35 feridos

Bruxelas, 22 mar (EFE).- Pelo menos 21 pessoas morreram e outras 35 ficaram feridas nas explosões que ocorreram nesta terça-feira no aeroporto de Zaventem, em Bruxelas, e na estação de metrô de Maalbeek, no centro da capital europeia.

Segundo confirmaram fontes oficiais aos veículos de comunicação belgas, as duas explosões do aeroporto deixaram pelo menos 11 mortos e 35 feridos. Inicialmente foi informado que o número de mortos nestas detonações era 13.

Por outro lado, o atentado na estação de metrô, localizada no bairro onde está a maior parte das sedes das instituições europeias, deixou pelo menos dez mortos e um número não determinado de feridos.

O promotor do tribunal de primeira instância de Bruxelas confirmou que as explosões no aeroporto de Zaventem foram consequência de um atentado suicida, segundo a "RTBF".

Meios belgas asseguram que as explosões no aeroporto ocorreram por volta das 8h15 (4h15, em Brasília), quando uma densa fumaça atravessou os vidros quebrados do terminal, que foi abandonada pelos viajantes de forma precipitada.

Pouco depois, outra explosão sacudiu a estação de metrô de Malbeek, uma zona administrativa da capital europeia muito movimentada nessa hora.

Este último atentado fez com que toda a rede de transporte público da capital europa fosse bloqueada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos