Estado Islâmico assume autoria de atentados em Bruxelas por meio de agência

Cairo, 22 mar (EFE).- O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) assumiu a autoria dos atentados que mataram nesta terça-feira pelo menos 34 pessoas e feriu outras 200, segundo a agência de notícias "Amaq", vinculada à organização jihadista.

Em comunicado divulgado em inglês, a agência afirma que combatentes do grupo "detonaram uma série de bombas, coletes e outros explosivos, na terça-feira, no aeroporto e em uma estação de metrô do centro de Bruxelas, capital da Bélgica, um país que participa da coalizão internacional contra o Estado Islâmico".

"Combatentes do Estado Islâmico abriram fogo dentro do aeroporto de Zaventem, antes que vários deles detonassem seus coletes com explosivos. Além disso, um mártir detonou seu colete na estação de metrô de Maalbeek", diz a nota, que acrescentou que os ataques deixaram "mais de 230 mortos e feridos".

Em fóruns jihadistas predomina um ambiente de euforia por estes ataques e se multiplicavam mensagens que incitavam ataques a países ocidentais, sobretudo os que participam da coalizão militar contra o Estado Islâmico no Iraque e na Síria.

Também foram publicados nesses fóruns e no Twitter mensagens em francês com anúncios falsos a respeito da colocação de supostas bombas em outros lugares da cidade belga, como a Comissão Europeia, a Universidade Livre de Bruxelas ou o hospital CHU Saint-Pierre.

Pelo menos 34 pessoas morreram e outras 200 ficaram feridas nos atentados de hoje no aeroporto de Zaventem, em Bruxelas, e na estação de metrô de Maalbeek, informaram o prefeito da cidade, Yvan Mayeur, e a ministra de Saúde da Bélgica, Maggie de Block

Esses ataques aconteceram quatro dias após a detenção, na mesma cidade, de Salah Abdeslam, o jihadista que teria sido o mentor dos atentados de 13 de novembro do ano passado em Paris.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos