Órgãos de segurança israelenses decidem não interromper voos da Europa

Jerusalém, 22 mar (EFE).- Os órgãos de segurança israelenses, que há pouco tinham decidido suspender de maneira cautelar todos os voos vindos da Europa com destino a Israel devido aos atentados ocorridos nesta terça-feira em Bruxelas, voltaram atrás e reverteram essa decisão.

O "Channel 10" da televisão israelense informou que, após uma análise da situação, os órgãos de segurança decidiram não suspender os voos com destino a Tel Aviv procedentes de cidades europeias.

O Ministério das Relações Exteriores de Israel está revisando as informações veiculadas através das redes sociais que indicam que poderia haver vítimas israelenses nas explosões registradas no aeroporto de Bruxelas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos