Explosão de gás em edifício de Paris deixa 17 feridos

Paris, 1 abr (EFE).- A explosão de gás ocorrida nesta sexta-feira em um edifício do distrito VI de Paris provocou ferimentos em 17 pessoas, entre as quais havia 11 bombeiros que estavam em um imóvel contíguo, e dos quais um está hospitalizado em estado grave.

Estas são os números apresentados pelo ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, que em comunicado manifestou seu "pleno apoio" aos bombeiros e seu desejo de um "breve e completo restabelecimento" de todos os feridos.

A explosão aconteceu às 12h20 (horário local, 7h20 de Brasília), quando uma equipe de bombeiros estava trabalhando na extinção de um incêndio no primeiro andar do imóvel vizinho, e destruiu quase totalmente os três últimos andares.

O comandante Gabriel Plus, porta-voz dos bombeiros, explicou aos veículos de comunicação que foi "uma explosão relacionada com o gás" que poderia ter sua origem em um vazamento provavelmente devido a um "acidente doméstico".

Algumas testemunhas indicaram, por sua parte, que se sentia um cheiro de gás ou de plástico queimado desde o início da manhã.

A polícia estabeleceu um perímetro de segurança em torno do edifício, enquanto dezenas de bombeiros seguiam trabalhando para evitar o desabamento dos andares superiores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos