Governo belga diz que 66 vítimas dos atentados permanecem internadas

Bruxelas, 4 abr (EFE).- O Ministério de Saúde da Bélgica informou nesta segunda-feira que 66 vítimas do duplo atentado em Bruxelas permanecem hospitalizadas, quase duas semanas depois da tragédia.

Do total, 37 pessoas estão na UTI, devido à gravidade de seus ferimentos e 26 recebem tratamento em hospitais especializados no tratamento de queimados, de acordo com a agência "Belga".

No duplo atentado de 22 de março ao Aeroporto Internacional de Zaventem-Bruxelas e à estação de metrô de Maelbeek 32 pessoas morreram e mais de 300 ficaram feridas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos