ONU alerta sobre crescente número de menores torturados

Genebra, 6 abr (EFE).- O número de crianças e adolescentes vítimas da tortura no mundo só aumenta, alertou nesta quarta-feira o Fundo Voluntário das Nações Unidas para as Vítimas de Tortura (UNVFVT, por sua sigla em inglês).

Esta entidade estima que em 2016, cerca de 5.279 menores serão vítimas de tortura e deverão ser assistidos.

Este número contrasta com os de 2015, quando no total, as organizações fundadas pelo UNVFVT auxiliaram 3.995 crianças e adolescentes menores de 18 anos.

"Estes números, da mesma forma que os recolhidos pelos doadores do UNVFVT, são alarmantes. A tortura voltou e com certa aceitação", afirmou a secretária dessa organização, Lauda Dolci-Kanaan, em comunicado.

A secretária ressaltou que "nada justifica este crime e mesmo assim a tortura segue presente em todas partes, inclusive contra as crianças, que são os mais vulneráveis nestas situações".

Lauda acrescentou também que "esta situação leva ao aumento da pressão no foco das necessidades específicas para a reabilitação e assistência aos menores".

Em 2015, o UNVFVT proporcionou ajuda direta através de 184 organizações a mais de 57 mil vítimas de tortura, adultos e crianças, em mais de 80 países.

Neste ano, estima-se que 178 organizações ajudarão cerca de 47 mil vítimas em 81 países.

A assistência por parte do fundo consiste em ajuda médica, psicológica, social e legal às vítimas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos