Ataque contra posto militar no Paquistão mata 12 insurgentes

Islamabad, 7 abr (EFE).- Pelo menos 12 insurgentes morreram e seis ficaram feridos nesta quinta-feira em um ataque contra um posto de controle militar no cinturão tribal do noroeste do Paquistão, informou à Agência Efe uma fonte oficial.

"Cerca de 50 insurgentes atacaram de madrugada um posto de controle fronteiriço com o Afeganistão na região de Kurran. O ataque foi repelido pelos soldados", disse o porta-voz da administração regional Mohammed Faiçal.

A fonte indicou que no enfrentamento morreram 12 dos agressores, enquanto outros seis que ficaram feridos foram detidos.

Faiçal afirmou que as forças de segurança lançaram uma operação na zona na busca dos insurgentes que realizaram o ataque.

Kurran é uma das divisões administrativas das áreas tribais de administração federal (FATA) fronteiriças com o Afeganistão.

Esta área é palco habitual de atos violentos por parte da insurgência local e da vizinha região do Waziristão do Norte, onde o Exército lançou em junho de 2014 uma operação militar antiterrorista, que continua na atualidade.

A ofensiva está em sua fase final e nela morreram pelo menos 3.650 insurgentes e 488 militares, de acordo com fontes o Exército.

Esses dados não são foram contrastados de forma independente devido ao bloqueio informativo nas zonas tribais e porque o governo proibiu informações sobre a atividade de grupos insurgentes.

Desde o início da operação nas zonas tribais o número de ataques insurgentes se reduziu de forma significativa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos