Vice-presidente do Equador percorre região atingida por terremoto

Quito, 17 abr (EFE).- O vice-presidente do Equador, Jorge Glas, percorreu neste domingo as ruas da cidade de Manta, uma das mais afetadas pelo terremoto de magnitude 7,8 graus na escala Richter que sacudiu a região norte do país na noite de ontem.

O vice-presidente se solidarizou com os moradores do município, onde vários edifícios desabaram após o terremoto, o mais forte registrado no Equador desde 1979.

"A prioridade é salvar vidas neste momento, atender nossos feridos, com muita força e união", disse Glas através do Twitter.

O vice-presidente, que ainda visitará Portoviejo e Pedernales, ambas seriamente afetadas pelo tremor, está em "contato permanente" com o presidente do país, Rafael Correa, e com o Comitê de Operações de Emergência.

Correa estava em visita oficial ao Vaticano e, quando soube da notícia, decidiu antecipar o retorno ao Equador.

Com a chegada do dia, as primeiras imagens de algumas regiões afetadas mostram casas que desabaram ou danificadas, pessoas nas ruas e as equipes de resgate na busca dos sobreviventes.

De acordo com o Ministério de Obras Públicas, várias vias das províncias de Manabí, Bolívar, Zamora Chinchipe e Pichincha estão fechadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos