Reino Unido receberá 3.000 refugiados menores de idade

Londres, 21 abr (EFE).- O governo do Reino Unido anunciou nesta quinta-feira que receberá daqui atá 2020 3.000 refugiados menores de idade de países do Oriente Médio e do norte da África, o que se soma ao compromisso de receber 20.000 refugiados sírios durante esta legislatura.

O secretário de Estado de Imigração, James Brokenshire, garantiu que a iniciativa, que responde a um pedido global da Agência das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), "representa o maior programa de reassentamento do mundo para crianças" em situação vulnerável dessas regiões.

"O governo está comprometido em proporcionar apoio e assistência para salvar a vida dos menores que foram afetados injustamente pela crise humana", afirmou.

"Sempre fomos claros em que a maioria destes menores em situação vulnerável estão melhor se adaptando em países de amparada na região, para poder se reunir eventualmente com os sobreviventes de suas famílias, mas há circunstâncias excepcionais em que é melhor para a criança ser reassentada no Reino Unido", acrescentou.

O programa, executado em parceria com várias ONGs, é voltado para crianças com risco de serem exploradas, forçadas a se casar ou de serem vítimas de abusos, e em alguns casos chegarão a seu país com familiares ou com as pessoas que cuidam delas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos