Mediador da ONU reconhece que a trégua na Síria está em grandes problemas

Genebra, 22 abr (EFE).- O mediador da ONU nas negociações sírias de paz, Staffan de Mistura, disse nesta sexta-feira que a trégua na Síria está "em grandes problemas", mas que, "de acordo com critérios objetivos, se mantém em vigor".

"O fim das hostilidades mantém seu efeito, lugar algum renunciou ou o deslegitimou, mas estará em grandes problemas se não se agir rapidamente", declarou De Mistura.

O mediador reconheceu que é muito preocupante a escalada da violência observada nos últimos dias, particularmente na província de Aleppo (noroeste da Síria).

"Podemos voltar ao bom caminho, mas se requer um esforço urgente devido ao que vimos nos últimos dias", explicou.

Por outro lado, De Mistura argumentou que realmente acredita que o governo e a oposição têm vontade "sincera" de chegar a "um acordo histórico" que ponha fim a cinco anos de guerra civil.

"Simplesmente por duas razões. A primeira é que todos estão de acordo quanto a uma decisão que não é fácil, que é falar só de transição política. A segunda razão é que há uma clara sensação entre as partes que nenhuma delas obterá uma vitória militar e que é tempo de conversar", alegou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos