Chuvas no nordeste da Índia matam pelo menos nove e afetam 93 mil pessoas

Nova Délhi, 25 abr (EFE).- Pelo menos nove pessoas morreram e cerca de 93 mil foram afetadas pelas fortes chuva nos últimas dias no estado de Assam, no nordeste da Índia, informou nesta segunda-feira a Autoridade de Gestão de Desastre regional (ASDMA, em inglês).

As inundações afetam 255 localidades em seis distritos do estado, onde foram instalados 40 acampamentos de emergência que abrigam mais de 7,4 mil pessoas, segundo o último relatório de situação oferecido pela ASDMA.

Cerca de 5 mil hectares de terreno agrícola foram, além disso, arrasadas pelas fortes precipitações e alguns edifícios permanecem sob a água.

Pelo menos duas pessoas permanecem desaparecidas, apesar de nas últimas 24 horas não haver mortes devido às chuvas na região, de acordo com o balanço do departamento, que em seu relatório de ontem confirmou nove mortes.

A maioria deles, oito, ocorreram no distrito de Cachar ao ser arrastados pela cheia do rio Jatinga, enquanto uma nona pessoa perdeu a vida em Dibrugarh.

As inundações são comuns na Índia durante o período geral de chuvas de monção entre julho e agosto, que no ano passado deixou mais de duas centenas de mortos e 13 milhões de afetados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos