Traficante que vendeu armas a autor de atentados em Paris é entregue à França

Madri, 26 abr (EFE).- A polícia espanhola entregou nesta terça-feira às autoridades francesas Antoine Denevi, detido no último dia 12 em Rincón de la Victoria por fornecer armas a Amedy Coulibaly, terrorista que matou cinco pessoas nos atentados em um supermercado judeu em janeiro de 2015 em Paris.

Agentes franceses escoltaram o detido no aeroporto de Madri, desde onde partiu rumo a Paris, informou a direção geral da polícia.

Denevi, de 27 anos e sobre o qual pesava uma ordem europeia de detenção e entrega emitida pelas autoridades judiciais francesas, foi preso por ordem do juiz da Audiência Nacional, que pediu que fosse extraditado à França.

A investigação, desenvolvida por policiais franceses, permitiu identificar Denevi como o responsável da rede de tráfico de armas que abasteceu Coulibaly, autor da morte de uma policial municipal em 8 de janeiro de 2015 em Paris e de outras quatro pessoas pessoas em um supermercado judeu.

Precisamente, as forças de segurança espanholas constataram que este terrorist esteve na Espanha dias antes, pelo menos em 2 de janeiro de 2015, para acompanhar sua esposa e outros três parentes até o aeroporto de Madri para que tomassem um voo com destino a Istambul.

Após as investigações realizadas na França, as forças de segurança viram que Denevi deixou a França semanas depois dos atentados de Paris de janeiro do ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos