EI reivindica autoria de duplo atentado que matou 22 no sul do Iraque

Bagdá, 1 mai (EFE).- O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) assumiu a autoria do duplo atentado com carro-bomba que matou neste domingo mais de 22 pessoas na cidade de Samaua, no sul do Iraque.

Segundo um comunicado divulgado em um site jihadista, dois membros do EI realizaram as operações suicidas, uma delas contra soldados das chamadas Forças de Comando.

Os extremistas disseram que o segundo suicida explodiu seu carro-bomba contra militares que estavam a caminho do local do primeiro atentado.

Mais cedo, uma fonte da polícia iraquiana informou à Agência Efe que pelo menos 22 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas devido às explosões de dois carros-bomba em Samaua.

Segundo a fonte, um dos veículos explodiu perto de uma estação de ônibus, e o outro na região de Al Sharya, no centro da cidade.

O EI, que proclamou em junho de 2014 um califado em partes dos territórios de Iraque e Síria que estão sob seu controle, reivindicou também a autoria do atentado que ontem matou 24 pessoas em um mercado de gado de Al Nahrauan, região de maioria xiita nos arredores de Bagdá.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos