União Europeia recebeu 135 sírios e devolveu 386 imigrantes à Turquia

Bruxelas, 4 mai (EFE).- A União Europeia (UE) recebeu 135 refugiados sírios procedentes da Turquia e devolveu 386 imigrantes ao país como parte do acordo firmado em março para conter o fluxo migratório irregular rumo à Europa, que foi criticado pela agência de refugiados da ONU.

A Comissão Europeia (CE), que nesta quarta-feira publicou sua última avaliação sobre a implementação do plano, afirma que dos 386 imigrantes devolvidos à Turquia nenhum apresentou solicitações de asilo, e assegura que o retorno foi realizou em pleno respeito à legislação internacional e comunitária.

Os dados divulgados pelo governo comunitário correspondem aos refugiados sírios recebidos em território europeu e devolvidos à Turquia desde 4 de abril.

As organizações defensoras dos direitos humanos e a própria ONU questionaram o acordo migratório com a Turquia ao dizerem que não está claro que o país possa ser considerado como Estado não comunitário seguro para o envio dos imigrantes e refugiados, já que realiza devoluções imediatas e não garante o direito ao asilo de pessoas que não sejam europeias ou sírias.

A UE assegura que o plano resultou uma queda "substancial" da chegada de pessoas da Turquia à Grécia desde que o acordo entrou em vigor, no dia 20 de março.

"Nas três semanas anteriores à declaração UE-Turquia, 26.878 pessoas chegaram de forma irregular às ilhas, enquanto nas três semanas posteriores o mesmo foi feito por 5.874", assegura a CE.

A CE afirma que, com este novo modelo, os traficantes têm cada vez mais dificuldade para atrair e transportar pessoas de forma clandestina através do Mae Egeu.

Ao todo, 292 especialistas da Agência Europeia de Fronteiras Exteriores (Frontex) foram às ilhas gregas de Lesbos, Quios, Kos e Samos desde o acordo para apoiar os processos de readmissão, uma quantidade que a Comissão considera que seja "suficiente" para enfrentar as necessidades atuais.

Antes da entrada em vigor do acordo, a Grécia já contava com o apoio de 735 funcionários da Frontex (461 nos centros de registro e identificação e 274 fora deles).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos