"Acabou a época em que obra pública estava ligada à corrupção", diz Macri

Buenos Aires, 7 mai (EFE).- O presidente da Argentina, Mauricio Macri, afirmou neste sábado que "acabou a época em que obra pública estava ligada à corrupção" e reiterou o compromisso do governo com a melhoria da infraestrutura do país, informaram fontes oficiais.

"A obra pública deve trazer benefícios e vantagens na qualidade de vida das pessoas", destacou Macri, durante uma visita às obras de eletrificação de uma das linhas férreas que ligam Buenos Aires com a província de mesmo nome, utilizada diariamente por dezenas de milhares de passageiros.

As declarações de Macri ocorrem após várias semanas marcadas pelos avanços da Justiça contra ex-funcionários do alto escalão do governo da ex-presidente Cristina Kirchner e empresários ligados ao poder, em distintos casos que investigam crimes como enriquecimento ilícito e lavagem de dinheiro, relacionados com superfaturamento de licitações de construções de infraestruturas estatais.

O caso de maior impacto na opinião pública é o que investiga o empresário Lázaro Báez - próximo ao falecido ex-presidente Néstor Kirchner e principal responsável por obras públicas na província de Santa Cruz (um reduto kirchnerista). Ele segue detido enquanto suas várias propriedades são alvo de operações dos promotores na busca de provas de um esquema de lavagem de dinheiro.

Macri, acompanhado pelo ministro do Transporte, Guillermo Dietrich, reiterou que o governo está realizando projetos para garantir o "melhor funcionamento" do sistema ferroviário, caracterizado por vários acidentes graves que deixaram dezenas de mortos desde 2012 sob a administração de Cristina.

O julgamento pelo mais grave desses acidentes condenou, no final de 2015, dos ex-ministros de Transporte kirchneristas - Ricardo Jaime (2003-2009) e Juan Pablo Schiavi (2009-2012) - a seis e oito anos de prisão, respectivamente, por "gestão fraudulenta em prejuízo da administração pública".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos