"El Chapo" foi transferido para reforçar segurança em prisão, diz México

Cidade do México, 7 mai (EFE).- O governo do México afirmou neste sábado que a transferência do narcotraficante Joaquín "El Chapo" Guzmán para uma prisão em Ciudad Juárez, na fronteira com os Estados Unidos, ocorreu devido às obras de reforço de segurança que estão sendo realizadas no centro de detenção do Planalto, onde o líder do Cartel Sinaloa estava preso desde janeiro deste ano.

"A realocação de Guzmán se deu em razão de distintas obras que se realizam no Centro Federal de Readaptação Social do Planalto para reforçar a segurança da prisão", afirmou em comunicado a Secretaria de Governo do país.

O traficante foi transferido à ala de segurança máxima da prisão do estado de Chihuahua, no norte do país, de acordo com o governo do México. A transferência ocorreu "com pleno respeito aos direitos humanos do detento", afirmaram as autoridades na nota.

Segundo o governo mexicano, a mudança de "El Chapo" foi "oportunamente comunicada" aos juízes de amparo e de processo penal para a continuação dos casos em andamento.

"Como parte da estratégia de segurança implementada desde setembro, foram transferidos mais de 7.400 presos em todo o país", explicou o governo mexicano no comunicado.

"El Chapo" está detido na prisão de segurança máxima do Planalto, na região central do México, há seis meses, depois de ter fugido do próprio local através de um túnel de 1,5 quilômetros que ligava sua cela com uma casa em construção próxima ao local.

Desde sua fuga em 11 de julho de 2015, estão sendo realizadas obras nas imediações do Planalto, no sistema hídrico conhecido com Cutzmala. Além disso, nesta semana, uma falha elétrica na prisão provocou a suspensão das visitas aos presos.

A transferência do líder do Cartel de Sinaloa despertou rumores sobre sua possível extradição aos Estados Unidos, onde ele é acusado por tráfico de drogas e lavagem de dinheiro.

"El Chapo" sempre temeu uma possível extradição aos EUA, mas, segundo seu advogado, José Refugio Rodríguez, no início de março o próprio narcotraficante pediu que o processo fosse acelerado devido às condições na prisão do Planalto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos