Pessoas com nanismo poderão estacionar em vaga para deficientes em Porto Rico

San Juan, 9 mai (EFE).- O governador de Porto Rico, Alejandro García Padilla, transformou em lei nesta segunda-feira um projeto que inclui as pessoas com nanismo entre as que têm direitos preferenciais para estacionar seus veículos em lugares públicos por deficiência.

O Executivo porto-riquenho informou em comunicado que García Padilla deu o sinal verde à introdução de uma emenda à Lei de Veículos de Passagem de Porto Rico que permite aos indivíduos com nanismo estacionar em áreas restringidas a pessoas com algum tipo de deficiência física.

A emenda permitirá também que as pessoas com nanismo não tenham que renovar o atestado médico exigido para dirigir veículos.

O comunicado ressalta que para o governo de García Padilla é prioridade atender as necessidades das pessoas com nanismo e facilitar sua mobilidade, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dessas pessoas.

O projeto, apresentado a pedido de María Fernanda de Puig Muñoz, uma adolescente de 15 anos, foi analisado pela Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento Urbano e Transporte do Senado de Porto Rico. Após ser estudado no Senado em abril, o projeto conta com o apoio da organização Little People of America.

"É muito importante que seja feita justiça e que orientemos a população, já que existem preconceitos em relação às pessoas de baixa estatura que lutam contra as barreiras arquitetônicas", argumentou o senador Pedro Rodríguez sobre a nova legislação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos