EI assume autoria de atentados com carros-bomba que mataram 18 em Bagdá

Bagdá, 11 mai (EFE).- Pelo menos 18 pessoas morreram e 41 ficaram feridas em dois ataques com carros-bomba nesta quarta-feira, no norte e no oeste de Bagdá, informou uma fonte da polícia do Iraque à Agência Efe.

Em comunicado publicado em fóruns jihadistas, a filial do EI em Bagdá informou que o ataque foi realizado por dois de seus membros, Anis al Ansari e Abu Abdelmalek al Ansari.

Estes dois jihadistas "conseguiram se infiltrar em um grupo da 'Multidão Renegada' (em alusão à milícia xiita Multidão Popular) no norte e no oeste da cidade de Bagdá", acrescentou a nota.

"O primeiro mártir ativou seu colete de explosivos na entrada do bairro de Al Kazemiya, e o outro mártir se infiltrou em um posto de controle da 'Multidão Renegada' no bairro de A Adl, deixando 120 milicianos mortos e feridos", acrescentou o comunicado.

Já a polícia iraquiana disse à Agência Efe que o ataque em Al Kazemiya foi cometido com um carro-bomba, ao contrário da versão do EI - que falou de um suicida, e informou da morte de 12 pessoas e de 23 feridos.

Ainda de acordo com a polícia, segundo atentado foi perpetrado com outro veículo explosivo que estava estacionado no bairro de Al-Jamea (nova denominação do bairro de Al Adl), de maioria sunita, matando seis pessoas e ferindo 18, .

Os ataques também causaram grandes danos materiais em carros e edifícios próximos.

O EI assumiu os dois atentados, incluindo o com carro-bomba que, segundo números oficiais, causou 64 mortes perto de um mercado no bairro de maioria xiita de Cidade de Sadr, no leste de Bagdá.

Em comunicado assinado também pela filial do EI na capital iraquiana e divulgado em fóruns jihadistas, a organização elevou o número de mortos para 70, todos membros da Multidão Popular.

As tropas iraquianas, com o apoio de milícias xiitas, enfrentam desde junho de 2014 o grupo jihadista sunita, que declarou um califado nos territórios sob seu controle no Iraque e na Síria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos