Exército do Iraque inicia ofensiva para libertar cidade estratégica do EI

Bagdá, 16 mai (EFE).- O Exército do Iraque lançou nesta segunda-feira uma ampla ofensiva, com o respaldo da coalizão internacional, para expulsar o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) da cidade de Al Rutbah, próxima à Síria e à Jordânia.

O anúncio foi feito pelo general Ali Ibrahim Debon, chefe do Comando das Operações de Al Jazeera e Al Badiya, responsável pela segurança na província de Al Anbar, onde fica Al Rutbah.

O EI conquistou a cidade em meados de 2014 e impede a fuga de seus habitantes para usá-los como escudos humanos, especialmente depois de as tropas iraquianas terem conseguido libertar várias localizadas de Al Anbar nos últimos meses.

Debon explicou em comunicado que o Exército será auxiliado por milicianos sunitas e xiitas, guardas de fronteiras, e bombardeiros da coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos.

Em Al Rutbah, que fica perto da estrada que une Bagdá com a capital da Jordânia, Amã, os jihadistas implantaram uma série de restrições à população, seguindo sua interpretação da lei islâmica.

Al Anbar está parcialmente dominada pelo EI desde janeiro de 2014, mas o grupo perdeu o controle da capital da província, Ramadi, em dezembro do ano passado. No entanto, os jihadistas seguem controlando Faluja, a segunda principal cidade da região.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos