Horas após desaparecimento, Sinéad O'Connor é encontrada em Chicago

Los Angeles (EUA.), 16 mai (EFE).- A cantora irlandesa Sinéad O'Connor, que havia sido declarada em paradeiro desconhecido, foi econtrada ilesa, informou nesta segunda-feira a edição digital da revista "The Hollywood Reporter".

A polícia do subúrbio de Wilmette, em Chicago, confirmou à revista que a artista foi localizada e que se encontra em boas condições, sem informar onde foi achada.

Horas antes, o site "TMZ" informou que O'Connor se encontrava em paradeiro desconhecido e sob risco de se suicidar. Segundo a publicação, a artista foi passear de bicicleta por Wilmette no domingo de manhã e não tinha sido localizada desde então.

Uma pessoa próxima a O'Connor alertou a polícia e as autoridades começaram a procurar a artista em uma operação tratada como um "possível suicídio" e que incluiu inspeções nos possíveis lugares para onde ela poderia ter ido, como parques e praias.

Em novembro do ano passado, O'Connor foi hospitalizada após ser localizada pela polícia em um hotel de Dublin depois de ter escrito em seu perfil no Facebook uma mensagem dizendo que tinha tentado se suicidar.

O'Connor recentemente acusou o comediante Arsenio Hall de fornecer drogas ao artista Prince, morto em abril. Hall, imediatamente depois, processou a cantora por difamação e pediu indenização de US$ 5 milhões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos