EUA sancionam lei para reprimir produção e tráfico de drogas no exterior

Washington, 16 mai (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assinou nesta segunda-feira uma lei aprovada no Congresso que reprime a produção e o tráfico de drogas que acontecem no exterior, quando os entorpecentes têm o país norte-americano como destino provável.

Em comunicado, a Casa Branca informou que o texto foi sancionado por Obama. Batizado como a Lei Contra o Tráfico de Drogas Transnacional, o projeto foi apresentado no Senado pela legisladora californiana democrata Dianne Feinstein, com apoio do republicano por Iowa Chuck Grassley.

A lei proíbe qualquer que pessoa possa "produzir ou distribuir" determinadas substâncias e produtos químicos classificados como drogas, quando "tem a intenção, o conhecimento ou razão para pensar" que essa substância será importada aos EUA de forma ilegal.

"Esta lei concede às forças da ordem as ferramentas necessárias para reduzir o volume de drogas que cruzam nossas fronteiras. Autoriza a repressão ao crime transnacional para reduzir o fluxo de drogas ilegais que chegam aos EUA vindas de outros países", disse Feinstein em comunicado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos