Presidente do Egito manda intensificar trabalho de busca do avião da EgyptAir

Cairo, 19 mai (EFE).- O presidente do Egito, Abdul Fatah al Sisi, ordenou nesta quinta-feira a intensificação das operações de busca do avião da EgyptAir que caiu de madrugada no mar Mediterrâneo com 66 pessoas a bordo.

Segundo um comunicado da presidência, Al Sisi deu diretrizes neste sentido a "todas as autoridades competentes do Estado incluindo o Ministério de Aviação Civil, o centro de busca e resgate das forças armadas, a marinha, e a força aérea".

O presidente egípcio também pediu que sejam tomadas "todas as medidas necessárias para localizar os destroços do avião" em colaboração com os outros países envolvidos, Grécia e França.

Aviões e embarcações especializadas em trabalhos de resgate, pertencentes à marinha egípcia, estão participando da busca.

O Airbus A320 perdeu contato com a torre de controle do aeroporto do Cairo nesta madrugada, após entrar no espaço aéreo egípcio, e caiu 50 milhas ao sudeste da ilha grega de Kárpatos.

Por último, Al Sisi ordenou o início "imediato" do trabalho do comitê de investigação formado pelo Ministério de Aviação Civil para revelar as circunstâncias que rodeiam a queda da aeronave.

Até o momento não se revelaram as causas e tanto as autoridades egípcias e francesas asseguraram que todas as hipótese seguem abertas, inclusive a de um ataque terrorista.

No avião, que fazia a rota Paris-Cairo, viajavam 30 cidadãos egípcios e 15 franceses, entre outras nacionalidades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos