Obama aborda com premiê iraquiano a luta contra o EI

Washington, 21 mai (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, abordou neste sábado por telefone com o primeiro-ministro iraquiano, Haidar al Abadi, os avanços em sua "luta comum" contra o grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

Obama reiterou o apoio às Forças de Segurança iraquianas e enfatizou que tanto EUA como seus parceiros da coalizão internacional contra o EI vão continuar tendo um papel-chave no treinamento e assessoria da tropa iraquiana, informou a Casa Branca em comunicado.

Os dois líderes concordaram na "importância crítica de melhorar a segurança de Bagdá e na zona internacional".

Além disso, assinalaram a importância que continue o diálogo entre todas as partes no Iraque para "que o povo iraquiano possa ver atendidas suas aspirações através de instituições democráticas".

Obama elogiou, por outro lado, os passos do governo iraquiano para fechar um acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) e afirmou que é importante que a comunidade internacional apoie a recuperação econômica iraquiana no meio da luta contra o EI.

Neste semestre se completam dois anos do início da campanha de bombardeios aéreos liderada pelos EUA contra o EI no Iraque e na Síria, que até o momento não conseguiu acabar com os jihadistas sunitas, mas cortou suas linhas de provisões, postos avançados e matou alguns de seus líderes.

Washington já tem desdobrados cerca de 4.000 soldados americanos em um papel de assessoria e inteligência no Iraque, embora com a maior intensidade dos combates no nordeste do país se viram mais expostos e já há três militares mortos em ataques.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos