Eleições presidenciais da Áustria têm empate técnico, segundo projeções

(Atualiza com apuração quase encerrada e declarações).

Viena, 22 mai (EFE).- O ultranacionalista Norbert Hofer e o ecologista Alexander van der Bellen ficaram virtualmente empatados nas eleições presidenciais deste domingo na Áustria, segundo as projeções da rede de televisão pública "ORF", mas o resultado final será conhecido só amanhã, quando serão apurados os votos enviados por correio.

Segundo os cálculos da "ORF", que têm margem de erro de 0,7%, Hofer e Van der Bellen teriam obtido 50% dos votos cada. As projeções também incluem os votos por correio, que nesta ocasião tiveram um recorde de participação, com 14% do total.

No primeiro turno, realizado no dia 24 de abril, os votos por correio, que são feitos antes do dia da eleição, favoreceram claramente o candidato ecologista. No entanto, o resultado final só será divulgado quando as cédulas forem apuradas.

Em caso de vitória de Hofer, ele se tornaria o primeiro chefe de Estado da direita radical populista em um país da União Europeia (UE). Sua campanha eleitoral girou ao redor do lema "os austríacos primeiro", com foco na defesa dos valores do país frente ao que alega serem imposições da UE, a ameaça dos imigrantes e o perigo representado pelo Islã.

Ambos os candidatos se mostraram hoje surpresos pelo empate técnico e, ao mesmo tempo otimista, de serem os vencedores do pleito.

Hofer disse que, independente do resultado, o novo presidente terá a missão de unir um país dividido. "Ainda tenho confiança", disse o candidato ultradireitista, revelando que não dormirá tão bem como esperava na noite de hoje à espera do fim da apuração.

"Nunca vivi uma noite eleitoral assim", disse à "ORF".

Já Van der Bellen afirmou estar "moderadamente otimista" em vencer Hofer e reconheceu que sua campanha "abriu brechas" na sociedade austríaca.

A participação dos eleitores no segundo turno cresceu para 71,6%, contra os 68,5% registrados no primeiro, vencido por Hofer com 35,1% dos votos frente aos 21,3% obtidos por Van der Bellen.

De acordo com o Ministério do Interior, o resultado final será divulgado amanhã à tarde. No entanto, o órgão não determinou uma hora exata para o fim da apuração dos votos por correio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos