Yildirim é eleito líder de partido governista e será novo premiê da Turquia

Ancara, 22 mai (EFE).- O partido governista da Turquia, o Justiça e Desenvolvimento (AKP), designou neste domingo como seu novo líder o atual ministro do Transporte, Binali Yildirim, que, com isso, será nomeado primeiro-ministro do país.

Yildirim era o único candidato para o lugar de Ahmed Davotuglu, até agora líder do AKP, partido que governa a Turquia desde 2002, e também premiê em fim de mandato.

Segundo a imprensa turca, Yildirim obteve todos os 1.405 votos válidos no congresso do AKP.

Em suas primeiras declarações após ser eleito, Yildirim mostrou lealdade ao presidente turco, Recep Tayyip Erdogan.

"Presidente, sua causa é nossa causa, seu caminho é nosso caminho", disse.

Cofundador do AKP, Erdogan não é mais membro do partido por imperativo legal, devido à neutralidade política do presidente turco, mas ninguém dúvida que é a personalidade com mais influência na legenda.

A imprensa turca interpreta de forma unânime a saída de Davutoglu como uma queda de braço perdida para Erdogan, de quem já foi aliado próximos.

Yildirim é um político de provada lealdade ao presidente turco e com uma imagem política não muito destacada.

A imprensa turca afirma que Erdogan pode designar ainda hoje Yildirim como premiê, e espera-se que ele apresente seu programa de governo no parlamento na próxima terça-feira.

Em discurso no congresso do AKP antes da votação, Yildirim afirmou que uma de suas prioridades à frente do governo será introduzir uma mudança constitucional para estabelecer um sistema presidencialista.

Introduzir um sistema presidencialista é justamente uma das grandes aspirações de Erdogan, que pretende ampliar suas atribuições, atualmente mais bem protocolares dentro do sistema parlamentar.

"O que temos que fazer é tornar a situação 'de fato' atual em uma situação legal, fazer uma nova constituição e introduzir um sistema presidencialista", disse Yildirim.

O novo líder do AKP destacou hoje que sua principal prioridade será a luta contra o terrorismo curdo.

Abudulkadir Selvi, um colunista jornal "Hurriyet" conhecido por ter boas fontes no AKP, afirmou hoje que a mudança de premiê representa uma transformação do sistema político do país.

"Não é só uma troca de líder (do AKP) e de primeiro-ministro, mas uma mudança de sistema no país", declarou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos