Novo governo da Turquia recebe voto de confiança do Parlamento

Istambul, 29 mai (EFE).- O novo governo da Turquia, formado há uma semana após a renúncia do primeiro-ministro, Ahmet Davutoglu, e liderado por Binali Yildirim, recebeu neste domingo o voto de confiança do Parlamento.

A votação era apenas um mero trâmite, visto que o partido de Yildirim, o islamita AKP, no poder desde 2002, dispõe de uma cômoda maioria de 317 cadeiras em um plenário de 550.

O gabinete, no qual muitos ministros mantêm as pastas que tiveram com Davutoglu, recebeu 315 votos a favor contra 138 nãos, com a ausência ou abstenção de uma centena de deputados da oposição.

Yildirim tinha recebido no domingo passado a incumbência de formar governo das mãos do presidente, Recep Tayyip Erdogan, cofundador do AKP e até hoje seu líder na opinião de grande parte da militância, apesar de a Constituição impedir o chefe de Estado de fazer parte de um partido.

A renúncia de Davutoglu e a chegada ao poder de Yildirim, até agora ministro dos Transportes, foram forçados pela cúpula do AKP após o que os analistas consideram uma queda de braço entre Davutoglu e Erdogan, resolvido a favor do segundo.

Prevê-se que Yildirim será um primeiro-ministro de "perfil baixo", e execute sobretudo as ordens de Erdogan, que anunciou reiteradamente sua intenção de concentrar em suas mãos o poder executivo, apesar de seu cargo ser mais cerimonial, segundo a Carta Magna.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos