Ataques suicidas deixam pelo menos 5 mortos e 13 feridos no Iraque

Bagdá, 31 mai (EFE).- Dois atentados suicidas realizados nesta terça-feira contra milicianos xiitas e soldados do Iraque na província de Saladino, ao norte de Bagdá, capital do país, provocaram a morte de pelo menos cinco pessoas, além de deixar 13 feridos, informou à Agência Efe uma fonte policial.

Um dos terroristas jogou um carro-bomba contra um posto de controle da milícia xiita Multidão Popular, que apoia o governo do país, no acesso à região de Suleiman Bek, a cerca de 95 quilômetros ao leste de Tikrit, capital de Saladino.

O primeiro ataque foi seguido de outro, realizado por um suicida que usava um colete de explosivos. Ele detonou o dispositivo entre um grupo de membros das forças de segurança iraquianos que estava na mesma região, segundo a fonte consultada pela Efe.

A fonte não excluiu a possibilidade de que o número de mortos aumente devido à gravidade dos ferimentos sofridos pelas vítimas.

A polícia cercou a região temendo outros ataques.

Ontem, dez pessoas morreram e 33 ficaram feridas em dois atentados com carros-bomba em bairros de maioria xiita de Badgá.

Nas últimas semanas, coincidindo com o aumento do assédio do Exército do Iraque contra os jihadistas em Faluja e Mossul, foram registrados vários ataques contra mercados e cafeterias em várias cidades do país, reivindicados em grande parte pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos