Bombardeio contra cidade do leste da Síria mata pelo menos 16 civis

Cairo, 6 jun (EFE).- Pelo menos 16 civis, entre eles mulheres e crianças, morreram nesta segunda-feira em uma cidade da província síria de Deir ez Zor, no leste do país, em um bombardeio aéreo contra um mercado, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A ONG qualificou de "massacre" este ataque e denunciou que os aviões, cuja nacionalidade não precisou, bombardearam o mercado da cidade de Al Shaara, considerado o principal da zona e no qual os habitantes das populações dos arredores fazem compras.

Os aparatos protagonizaram vários ataques contra distintas zonas desta população, situada ao leste de Deir ez Zor, cidade controlada majoritariamente pelos combatentes do grupo extremista Estado Islâmico.

Além disso, os aviões realizaram incursões contra as populações de Al Quriya, Baqrus, Al Zabari e Badia Massoud, situadas também ao leste de Deir ez Zor, embora não há informações sobre vítimas como consequência dos ataques, segundo a ONG.

Na cidade de Al Shahul, situada também ao leste de Deir ez Zor, uma cidadã morreu em um dos vários bombardeios lançados por aviões de guerra contra vários bairros da cidade.

Estes bombardeios coincidem com enfrentamentos entre homens armados do grupo Estado Islâmico e forças leais ao regime de Damasco no entorno do aeroporto militar de Deir ez Zor, controlado pelo Exército regular.

O Observatório indicou que ocorreram baixas nas fileiras de ambos os grupos, mas não ofereceu mais detalhes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos