Holanda publica foto de fragmento de míssil onde MH17 caiu

Bruxelas, 6 jun (EFE).- A equipe holandesa encarregada pela investigação do acidente do voo da Malaysia Airlines MH17 em julho de 2014, no leste da Ucrânia, publicou uma fotografia de um fragmento de míssil Buk encontrado no local do acidente, informou nesta segunda-feira o portal "DutchNews".

O Conselho de Segurança Holandês concluiu que o míssil modelo 9N314M foi o responsável pelo acidente.

Segundo Eliot Higgins, fundador do site "Bellingcat", o míssil foi encontrado no ano passado.

Uma equipe do Ministério Público holandês trabalha para descobrir de onde partiu o míssil e identificar os responsáveis.

O governo russo negou seu envolvimento no ataque e rejeitou as acusações de que os responsáveis foram os separatistas pró-Rússia.

Um total de 298 passageiros e tripulantes viajavam no voo da Malaysia Airlines que seguia de Amsterdã para Kuala Lumpur, quando foi derrubado por um míssil disparado na região do leste da Ucrânia, que é controlada pelos separatistas pró-Russia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos