Caças turcos bombardeiam posições do PKK no sudeste do país e no Iraque

Istambul, 7 jun (EFE).- Caças de combate turcos bombardearam posições do grupo armado Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) no sudeste do país e no norte do Iraque, informou nesta terça-feira o Exército local.

Os caças bombardearam ontem um grupo de supostos membros do PKK na região de Lice, na província sudeste de Diarbaquir, mas não foram contabilizados os mortos na operação.

Ao mesmo tempo, uma ação aérea também foi desenvolvida ontem na região de Hakurk, no norte do Iraque.

Hoje, o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, responsabilizou o PKK pelo atentado que deixou 11 mortes e 36 feridos no centro histórico de Istambul.

"Não é uma novidade que a organização terrorista (como se costuma referir ao PKK) estenda seus ataques às cidades", declarou Erdogan, após visitar alguns feridos em um hospital de Istambul.

Sete mortos são policiais e quatro civis. Erdogan afirmou que dos 36 feridos, dois estão em estado grave.

O atentado aconteceu pela manhã, quando o veículo com os agentes circulava perto de um ponto de ônibus no bairro de Beyazit Vezneciler, próximo a uma universidade e lugares turísticos na parte europeia da metrópole.

O carro-bomba foi ativado por controle remoto e o efeito da explosão deixou o ônibus parcialmente destruído e diversos veículos queimados.

A Turquia está em alerta para a ameaça terrorista e nos últimos meses tanto o Estado Islâmico quanto do PKK cometeram ataques que deixaram dezenas de mortes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos