Embaixador cazaque na Espanha exalta Rota da Seda por tolerância e comércio

Valência, 10 jun (EFE).- O embaixador do Cazaquistão na Espanha, Bakyt Dyussenbayev, afirmou nesta sexta-feira que a atividade econômica desenvolvida em torno da Rota da Seda foi vanguardista em relação ao livre-comércio, ou mercado comum, e também significou um exemplo de convivência, paz e tolerância.

Dyussenbayev participa desde a quarta-feira passada do segundo encontro mundial da plataforma digital Rota da Seda promovido pela Unesco, em Valência.

Em entrevista à Agência Efe, o embaixador disse que "a Rota da Seda foi um fenômeno econômico, político, cultural e inclusive religioso que passou pelo território ocupado pelo Cazaquistão moderno e do qual é possível aprender várias lições".

"A primeira delas é o que hoje chamamos de livre-comércio ou mercado comum, que já existiu há centenas de anos e que atualmente não seria possível. Não poderíamos transportar e vender mercadorias asiáticas na Europa", comentou.

Segundo Dyussenbayev, "outra lição, também muito importante atualmente, é a de paz e tolerância, principalmente no momento atual, com tanta violência e ódio, porque as cidades da rota foram espaços de paz e tolerância, onde pessoas de diferentes culturas e religiões podiam trabalhar e viver sem problema, em um ambiente de tolerância".

Parte dessa percepção histórica segue viva no território, segundo explicou o embaixador, que argumentou que os cazaques estão "orgulhosos de manter o ambiente multicultural, multirreligioso e multiétnico em paz e tolerância".

"A mesma ideia da Rota da Seda é servir como ponte entre oriente e ocidente, e o território do Cazaquistão é uma ponte natural, parte do país está na Europa e parte na Ásia. Nós continuamos mantendo essa percepção de nós mesmos, de nossa política econômica, tentamos ser essa ponte que permite unir diferentes mundos", analisou.

A cidade de Astana, considerada a capital do centro da Ásia, tem participado nos últimos anos de diversas iniciativas econômicas de transcendência internacional vinculadas ao setores energético, industrial e turístico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos