Combates na Líbia deixam 3 mortos

Trípoli, 14 jun (EFE).- Pelo menos três milicianos da aliança formada pelo governo de união nacional morreram em um tiroteio ontem à noite com membros da ramificação líbia do grupo terrorista Estado Islâmico na cidade de Sirte, informou nesta terça-feira à Agência Efe uma fonte do hospital da cidade.

Segundo o relato, outros 29 soldados ficaram feridos nos combates na tarde de segunda-feira no centro da cidade, que as tropas sob o comando do governo de unidade tentam tomar depois de romper a resistência jihadista e entrar na cidade no último sábado.

Um porta-voz militar da aliança acrescentou que aviões de combate realizaram seis ataques aéreos contra posições dos fanáticos na cidade de Buhadi, perto de Sirte, que serviram para destruir diversos armamentos.

Forças da aliança formada pelo governo de unidade líbio conseguiram arrebatar do EI no sábado uma grande parte da cidade de Sirte, transformada há um ano no principal reduto dos fanáticos no litoral do Mediterrâneo.

As tropas não conseguiram, no entanto, tomar o centro da cidade, no qual segundo a própria aliança grupos de combatentes e franco-atiradores ainda resistem, a maioria deles radicais estrangeiros e ex-membros da ditadura de Muammar Kadafi, derrubada em 2011.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos