Confrontos entre tropas da Síria e Al Qaeda deixam 70 mortos em Aleppo

Beirute, 15 jun (EFE).- Pelo menos 70 pessoas morreram nas últimas horas em combates entre os soldados do regime sírio, a Frente al Nusra - grupo terrorista local vinculado à Al Qaeda -, e seus aliados no sul da província de Aleppo, no norte da Síria, informou nesta quarta-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Os confrontos se concentram nas localidades de Jalasa e Zintan, no sul de Aleppo, onde as autoridades recuperaram algumas posições que seus adversários haviam capturado ontem à noite.

As forças do regime contam com cobertura da Força Aérea da Síria, que está bombardeando a região.

Em paralelo, tanto a artilharia como aviões governamentais estão atacando os povoados de Zorba, Jan Tuman, Maarata, Qaradi, Hamiran e Ikarda, também no sul de Aleppo.

Além disso, desde a meia-noite, aviões e helicópteros do regime têm realizado ataques contra áreas do norte da província como Malah, a estrada de Castelo e os povoados de Hian e Hreitan.

Desde abril, Aleppo vive uma escalada da violência que diminuiu durante uma semana em maio, graças a uma trégua estipulada por Rússia e EUA.

Além dos enfrentamentos entre o exército sírio e a Frente al Nusra, atualmente estão acontecendo combates no nordeste de Aleppo entre as Forças da Síria Democrática (FSD) e o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) em torno da cidade de Manbech.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos